Câmara Municipal deve encerrar ano com mais de 135 projetos de lei aprovados
06/12/2017 - 10h06 em Política

A Câmara de Vereadores de Salvador deve encerrar o ano de 2017 com 135 projetos de lei aprovados. Desse total, 108 são de autoria de vereadores e 27 encaminhados pelo Executivo - sendo que cinco ainda serão votados até a próxima semana. Durante balanço apresentado à imprensa pelo presidente da Casa, vereador Leo Prates (DEM), na manhã desta quarta-feira (6), ele destacou ainda a quantidade de sessões ordinárias realizadas ao longo de 2017. Até o final do ano, devem acontecer 102. Prates apontou ainda que 226 emendas foram apresentadas pelos vereadores. "Quase todos os projetos do executivo saíram emendados da Câmara", afirmou. Apesar do resultado, o presidente da Casa demonstra preocupação em relação às produtividade do Legislativo em 2018. Apesar da eleição não ser para vereador, Prates teme que a movimentação política possa tirar o foco dos vereadores. "O ano eleitoral tem os piores índices da Câmara, historicamente", declarou durante o balanço do ano. Em uma avaliação do seu primeiro ano como presidente, o presidente destacou "a revolução administrava" realizada em 2017. Este ano, a Câmara deve devolver à prefeitura R$ 14 milhões que não foram utilizados ao longo do ano. Entre as metas atingidas durante sua gestão, Prates destacou a criação da Super Terça, sessão planejada para o debate de projetos polêmicos em tramitação na Casa; o retorno dos projetos Câmara Itinerante e Ouvidoria no Bairro; além da criação de duas novas salas de comissões. "Diria que já cumprimos 98% daquilo que prometemos ano passado", estimou Prates em referência às promessas feitas durante a sua campanha para presidente da Câmara.

Fonte:Bahia Notícias

COMENTÁRIOS
PUBLICIDADE