Caos no trânsito de Euclides da Cunha: responsabilidade de todos?
08/10/2021 17:51 em Trânsito

Foto: Jairo Souza

Educação no trânsito é algo sério, e depende de muitos fatores. Infelizmente, em Euclides da Cunha, segundo os órgãos competentes e a  própria população, os principais culpados são os  condutores  de veículos que vêm causando transtornos e acidentes na cidade, mesmo esta sendo devidamente sinalizada.

 

Dirigir nas ruas da cidade nos dias de hoje exige habilidade e atenção redobrada, pois há uma visível falta de respeito às leis e civilidade. Ou seja, educação no trânsito. Mudar de faixa de rolamento de forma frequente e repentina sem a devida sinalização, avançar o sinal vermelho, fazer conversões sem sinalizar e motos que tornaram regra ultrapassar pela direita são algumas das situações mais frequentes, e muito perigosas.

 

Segundo a Diretoria do Trânsito de Euclides da Cunha (DTTEC), os dados  são alarmantes para o tamanho da cidade. “No mês de agosto, Euclides da Cunha registrou 39 acidentes com oito óbitos e 27 no mês de setembro com seis óbitos, por isso estamos intensificando as ações de prevenção. Na última semana de setembro, realizamos uma ação chamada “Educação no Trânsito”, em parceria com a Polícia Militar, com o objetivo de conscientizar e reduzir o número de imprudências na cidade”, confirma Agnaldo Teles, diretor de Trânsito.

 

Mas é bom que se diga que o pedestre também tem sua parcela de culpa em toda essa confusão. Em apenas uma manhã, nossa reportagem flagrou vários casos de pessoas atravessando fora da faixa de pedestre ou com o sinal vermelho para elas. Um trânsito seguro é responsabilidade de todos.

Por Retratos e Fatos

COMENTÁRIOS